euskal presoakFaleceu esta madrugada no Hospital Oncológico de Donostia, depois de passar por umha longa enfermidade, pola que desde 2009 estava em prisom atenuada no seu domicílio.

Foi detida em 1999, e desde aquela estivo de prisom em prisom; 6 anos em cadeias francesas: Fresnes, Fleury, Rennes, Joux la Ville, e desde 2005 em cadeias do estado espanhol: Soto del Real, Valladolid e A Lama, onde lhe foi detectado o cancro.

Ficará sempre a sua lembrança e o seu exemplo!