Mais um sítio web vem complementar os espaços que na Internet denunciam a repressom e, especificamente, a repressom suportada pola mocidade galega. A iniciativa corresponde à formaçom juvenil Briga e, baixo o manchete "STOP repressom contra a juventude galega", informa das intervençons repressivas sufridas recentemente por militantes desta organizaçom juvenil e pola AMI. De Briga sostenhem a tese de que a formaçom juvenil independentista se encontra imersa num processo impulsionado desde o Governo espanhol que levaria à sua ilegalizaçom. Tese errónea, na nossa opiniom, e nom partilhada desde Ceivar, à vista da conjuntura política existente na Galiza, as linhas repressivas dominantes no nosso País e o facto de as organizaçons independentistas nom supor, a dia de hoje, qualquer ameaça fáctica para a estabilidade do regime espanhol que o obrigue à aplicaçom de recursos repressivos como os que, por exemplo, sim tivo que empregar num contexto político-social muito diferente do galego como o basco. Contodo, fazemos nossa a denúncia da repressom de que foi objecto a organizaçom juvenil nos últimos meses e do processo político-judicial em que estám imersos vári@s d@s seus militantes. A ligaçom com a página web assinalada é http://briga-galiza.org/especiais/repressom/