110276-crumpled-paper-icon-social-media-logos-rss-cube

banner_calendario_2017

teixeiroiixxxultimoEste sábado, dia 14, está convocada a marcha anarquista até a macroprisom de Teixeiro. Às 12h da manhá está marcada a saída da gasolineira do polígono de Teixeiro (N634 km63).

Pola tarde as atividades continuarám na cidade da Corunha, com umha concentraçom às 17h no Obelisco, e um ceador e concerto de Folkólikos no C.S.O. A Insumisa (Avd/ Metrosidero, frente a porta do Cuartel de Atochas).

Abaixo os muros das prisons!

 

sare kartelaA rede cidadá SARE convoca a manifestaçom que culmina a campanha “salatzen dut” (eu denúncio), em favor dos direitos das presas políticas bascas. Esta mobilizaçom, que se vem celebrando anualmente, é um referente na solidariedade e na denúncia do régime penitenciário espanhol e francês. É um chamamento de mínimos, umha reclamaçom tam básica como necessária: o respeito aos direitos humanos. “Salatzen Dut” sinala as vulneraçons sitemáticas dos direitos humanos nas prisons, com consequências diretas tanto para as pessoas presas como para a sua contorna social, e por suposto como bloqueio para umha resoluçom do conflito político em Euskal Herria por causa da imposiçom e a negativa histórica do Reino de Espanha e do Estado francês à autodeterminaçom dos povos.

Denuncia-se o nom computo das penas, o isolamento e a solidom, a limitaçom e o controlo das comunicaçons e toda umha legislaçom excepcional de mau trato.

Denuncia-se o incumprimento da própria lei espanhola com respeito aos dez presos com doenças graves e incuráveis que permanecem encerrados.

Denuncia-se a dispersom, a política de afastamento que é um castigo para as famílias e achegadas das pessoas presas.

De Etxerat, a associaçom de familiares e amizades das presas independentistas bascas, sinalam a importáncia de responder ativamente à convocatória “nom podemos seguir à espera. Nom podemos correr o risco de que a situaçom atual se enquiste e chegarmos a assumir como normais, políticas de excepçom, violaçons de dereitos, estratégias de vingança e sufrimento”.

De ceivar também alçamos a voz juntando-nos à denúncia. Abraçamos a todas as presas e presos bascos, às exiliadas, abraçamos às familiares e amigas, e partilhamos a fúria para que todas, e em particular as doentes, voltem já às suas casas.

A solidariedade galega com o povo basco! Nós também estaremos nas ruas de Bilbo.

 

 coia com diego lores semana8 14O próximo 17 de Janeiro terá lugar o juízo-farsa a Diego Lores, umha das pessoas represaliadas pola luita contra a instalaçom do barco Bernardo Alfageme numha rotunda do bairro viguês de Coia. A acusaçom particular dum polícia local acusa a Diego de atentado com resultado de lesons, e pede três anos e meio de prisom e 30.000 euros de responsabilidade civil.

Para denunciar o caso e recolher apoios a Diego e às mobilizaçons vizinhais na defesa do bem comúm, a Asembleia de Coia, Baladre (Coordinaçom de luitas contra a precariedade, o empobrecimento e a exclusom social) e gente solidária esta-se a desenvolver umha semana de palestras e projeçons em solidariedade com a luita na rotunda de Coia que leva por título: "Quérennos en soidade, téñennos en común".


Do domingo 8 até o sábado 14 de Janeiro, haverá atividades em diferentes localidades paras as quais a vizinhança de Coia estará acompanhada de pessoas que participaram em diferentes luitas com o objetivo de partilhar experiências e tecer redes solidárias.
Este ciclo de palestras, irá acompanhado da projeçom da curta Moito Peixe Rompe A Rede que repassa os meses de conflito > https://www.youtube.com/watch?

Também está disponível um comunicado a pedir a absoluçom de Diego: https://www.change.org/p/

Calendario de atividades:

PONFERRADA
Domingo 8 Janeiro às 15h00. Magaz de Arriba (Ponferrada)

FERROL
Segunda-feira 9 Janeiro às 19h00. Ateneo Ferrolán (r/Magdalena 202-204)

SABARÍS
Terça-feira 10 Janeiro às 20h00. Casino de Sabarís (r/Julián Álvarez 33)

OURENSE
Quarta-feira 11 às 20h00. A Galleira (Praça de Sam Cosme)

NIGRÁN
Quinta-feira 12 Janeiro às 20h00. A Casa Colorida (r/Rosalía de Castro 16)

PONTEVEDRA
Sexta-feira 12 às 20h00. Casa das campás (r/Don Filberto 9)

VIGO
Sábado 14 às 19h00. CS Faísca (r/Toledo 9)

Participa! A nossa solidariedade é imparável!

 

 

1 920422340620189774De novo, acompanhando o protesto de intramuros, saimos à rua entre as 20h e as 21h desta sexta-feira 30 de Dezembro para visibilizar as suas reclamaçons elementares. Os pontos que o Coletivo de Presas Independentistas Galegas reclama som: O reconhecimento da sua condiçom de prisioneiras políticas, o fim da política criminal de dispersom penitenciária, o reagrupamento dos membros do coletivo numha mesma prisom em território galego, o cessamento do regime de reclusom nos centros de menores e a melhora geral das condiçons de vida no encerro.

As convocatórias som: QUINTA-FEIRA 30 DE DEZEMBRO

Compostela: 20:30h na praça do Toural

Burela: 20:30h na praça do Concelho

Vigo: 20h no Marco (rua Principe)

Ourense:20:30h na praça do Ferro

Lugo: 20:30h na Praça Maior

 

calendario2017Mais um ano o Organismo Popular Anti-repressivo CEIVAR tem o orgulho de apresentar-vos o calendário solidário de 2017 do punho do preso independentista galego Antom Santos Peres.

O almanaque que ides ter entre as maos é o fruto dum bonito trabalho realizado coleitivamente desde dentro e fora dos muros das prisons, umha tarefa que nom sempre resultou ser doada e que a achegamos às/aos solidárias/os com muita alegria e ilusom. Aguardamos que seja do agrado de todas/os e que, desde os nossos fogares, lugares de trabalho ou encontro, lembremos cada dia o compromisso com a solidariedade e a fermosura que nom poderá barrer nemgum muro de formigom.

Finalmente queremos agradecer especialmente a Antom Santos a sua importante contribuçom assim como a todas as pessoas que se implicárom neste projeto que tem como objetivo dotar de recursos económicos a luita diária contra a repressom que leva desenvolvendo o Organismo Popular Anti-repressivo CEIVAR desde há mais de umha década.

Podede-los atopar nos seguintes pontos do País ao preço de 10 euros:

COMPOSTELA

Centro Social A Gentalha do Pichel: Rua de Santa Clara, 21

Livraria Ciranda-Lila de Lilith: Rua Travessa, 7

Livraria Couceiro: Praça do Pam

Livraria Pedreira: Rua do Homem Santo, 55

FERROL:

Fundaçom Artábria: Travessa de Batalhons nº 7 rés-do-chao

Bar Chimarrao: Rua Sartanha, 61

OURENSE:

Centro Social A Galheira: Rua Pena Vixia, 67

Bar Lusco-Fusco: Rua da Liberdade, 9

LUGO:

Centro Social Mádia Leva!: Rua Serra dos Ancares, 18

BURELA:

Xebra Associaçom: Rua Leando Cucurny, 19

VIGO:

Centro Social A Revolta: Rua Real, 12

Local Social Faíscas: Rua Toledo, 9 (Calvário)

Bar O Batalhom: Rua Martín Códax 17b

 
 
afiche concentracion XI Marcha as cadeias Mesa de trabajo 2
A Asociaçom de familiares e amigas/os das presas/os vem de anunciar a XI MARCHA ÀS CADEIAS. A continuaçom reproducimos a nova que nos encaminharom:
 
Mais um ano, em Que Voltem Para a Casa já estamos a aquecer motores, preparando-nos para levar-lhes a Antom, Teto, Eduardo, María e Raúl toda a nossa força e carinho; para ir berrar, bem alto e claro, às prisons onde as mantenhem afastadas que as queremos na casa.
Vamos deixar-lhes bem claro que nom há distância nem muro que poida parar a nossa solidariedade.
 
Os próximos 3 e 4 de fevereiro decorrerá esta Onceava Marcha às Cadeias; iremos dando mais informaçom sobre horários, itinerários e atividades solidárias q se vam desenvolver para que, de novo, a Marcha às Cadeias tenha um grande sucesso.
 
Mais um ano vamos rachar com os muros das prisons!!
 
Que Voltem para a Casa!!!!
 
 
 
 
Mais artigos...
Teimudamente Alçadas!
teimudamente_alzadas
Manual de Segurança para Ativistas
manual_segurana_2015
O Teito é de Pedra
mostra_capa
Lei de Segurança Cidadá
LSC_2014web
Endereços d@s Pres@s

raul_web

maria2014_web

edu_web

teto_web

antom2014_web

Atópanos nas redes sociais



feisbuk

banner_numero_conta_2014