errenteria manifestazioaA juiça Carmen Lamela, a carrego da causa na Audiência Nacional espanhola contra os três jovens que levavam em prisom preventiva durante oito longos meses, decidiu ponhelos em liberdade condicional.

Os feitos remontam-se ao 11 de março, a umha manifestaçom pola Amnistia q se celebrou em Irunhea na que forom detidos os jovens acusados de "desordes públicos e terrorismo" pola sua suposta participaçom nos distúrbios acontecidos depois de dita mobilizaçom.

A causa segue aberta polo que Asier, Endika e Ruben teram juiço, mas aguardaram a que sexa em Errenteria e nom a centos de kilometros das suas casas padecendo o encerramento e a dispersom pola que protestabam aquel dia, naquela manifestaçom.

Dar a cara contra a repressom do estado castigase duramente; vimo-lo vendo nos últimos anos com diferentes operativos contra pessoas ou organizaçons que levantam a voz contra a injustiça e miséria do Estado. Luitar contra a dispersom penitenciária pode ser motivo para que remates fechada tras um muro de formigom a centos de kilometros, mas com todo nom deixam de ouvirse os berros.

Asier, Endika, Rubem ongi etorri!