sare kartelaA rede cidadá SARE convoca a manifestaçom que culmina a campanha “salatzen dut” (eu denúncio), em favor dos direitos das presas políticas bascas. Esta mobilizaçom, que se vem celebrando anualmente, é um referente na solidariedade e na denúncia do régime penitenciário espanhol e francês. É um chamamento de mínimos, umha reclamaçom tam básica como necessária: o respeito aos direitos humanos. “Salatzen Dut” sinala as vulneraçons sitemáticas dos direitos humanos nas prisons, com consequências diretas tanto para as pessoas presas como para a sua contorna social, e por suposto como bloqueio para umha resoluçom do conflito político em Euskal Herria por causa da imposiçom e a negativa histórica do Reino de Espanha e do Estado francês à autodeterminaçom dos povos.

Denuncia-se o nom computo das penas, o isolamento e a solidom, a limitaçom e o controlo das comunicaçons e toda umha legislaçom excepcional de mau trato.

Denuncia-se o incumprimento da própria lei espanhola com respeito aos dez presos com doenças graves e incuráveis que permanecem encerrados.

Denuncia-se a dispersom, a política de afastamento que é um castigo para as famílias e achegadas das pessoas presas.

De Etxerat, a associaçom de familiares e amizades das presas independentistas bascas, sinalam a importáncia de responder ativamente à convocatória “nom podemos seguir à espera. Nom podemos correr o risco de que a situaçom atual se enquiste e chegarmos a assumir como normais, políticas de excepçom, violaçons de dereitos, estratégias de vingança e sufrimento”.

De ceivar também alçamos a voz juntando-nos à denúncia. Abraçamos a todas as presas e presos bascos, às exiliadas, abraçamos às familiares e amigas, e partilhamos a fúria para que todas, e em particular as doentes, voltem já às suas casas.

A solidariedade galega com o povo basco! Nós também estaremos nas ruas de Bilbo.