Em Compostela pune-se a recuperaçom da memória histórica quando nom é desenvolvida desde a ‘correcçom política’ e por autoridades e organismos institucionais. Agentes da Polícia municipal identificavam no dia de ontem vári@s sóci@s da associaçom cultural A Gentalha do Pichel quando realizavam no bairro de Conjo um mural de homenagem ao alcalde galeguista compostelano Ângelo Casal, fuzilado polos fascistas espanhóis em Agosto de 1936. A patrulha policial ordenava a imediata suspensom do trabalho sob a ameaça de os membros da associaçom serem denunciados por ‘desobediência grave’ além de sé-lo, também, por um ‘atentado contra o património’ e ‘infracçom da normativa local’. O mural com o rosto do nacionalista assassinado e a legenda ‘Galiza nom esquece. Assassinado em Cacheiras no 7.8.1936’ realizava-se na tápia dum prédio em ruinas, razom pola que mais umha vez nom som de recibo as acusaçons de ‘desluzimento do património’ ou ‘atentado’ com que o governo local PSOE-BNG vem sentando nas bancadas dos julgados centos de activistas políticos e sociais durante os últimos anos. A actividade dos membros d´A Gentalha do Pichel foi filmada pola câmara que, oficialmente, vigila a ordenaçom do tránsito rodado na área onde se estava a realizar o mural suspendido pola Polícia municipal. O último episódio repressivo contra a liberdade de expressom na capital galega fai-se ao amparo dumha ordenança municipal aprovada por PSOE e BNG que, escudando-se na ‘limpeza da cidade’ e a ‘protecçom do ambiente’, impom desde há anos umha sistemática persecuçom policial, administrativa e judicial de pessoas e colectivos que exercem a liberdade de expressom. Fruto deste conflito irresolto, centos de pessoas fôrom processadas na última década, sancionadas economicamente e arrestadas em domicílios e centros penitenciários. A Polícia municipal da capital galega tem-se destacado notavelmente na repressom destas pessoas e colectivos, perfilando-se como umha autêntica polícia política de ámbito local especializada na persecuçom e penalizaçom da militáncia local.